quarta-feira, 29 de junho de 2011

Eu sinto ciúmes de tudo o que é meu,
de tudo que não é,
e de tudo o que eu acho que deveria ser.
 Foda-se, sinto mesmo.

;@@@@@

Nenhum comentário:

Postar um comentário