domingo, 12 de abril de 2015

Sentimental.

Como eu queria não ver e muito menos sentir certas coisas;
Estou tentando não olhar para trás, tentando não olhar para os lados para não fraquejar; As vezes eu me pergunto onde está aquela mulher que nunca deixava nada e ninguém me colocar pra baixo, mas não acho respostas;
A minha vida está tão confusa, que eu não sei nem mais onde estou, e porque estou ;x
Metade de mim se foi, pra onde eu não sei e talvez eu nunca mais vou recuperar essa parte que perdi! Hoje eu aprendi que devemos dar muito mais do que valor as coisas, porque realmente, NADA NADINHA volta! Queria que tudo voltasse a ser como antes, queria ter meu porto seguro, queria ter o meu refugio, queria ter alguém pra me segurar, alguém pra me amparar, alguém em quem confiar, alguém para simplesmente abraçar e mais nada!
Me sinto perdida, me sinto sozinha, sinto um vazio aqui dentro de mim que não tem explicação;
Talvez isso não tenha um real motivo, mas fazem 9 anos da minha vida que não fico 7 meses sozinha;
Sem um amor, sem um carinho; E, não tenho vontade de me entregar a ninguém; mesmo sentindo falta de lábios, de calor, de pele. aaah como era bom quando me pedia uma pele; Parecia tão besta, e hoje faz todo o sentido.
Como pode, depois de tanto tempo, lembrar de cada detalhe ;3
Eu preciso de um alguém!
Alguém que me ame, que me aceite, que me entenda;
Talvez esteja na hora de procurar um novo refugio, um novo consolo;


Não consigo mais viver assim como estão as coisas;

Não aguento mais fingir sorrisos e mentir que está tudo bem;

Nenhum comentário:

Postar um comentário