quinta-feira, 28 de julho de 2011

eee vida bandiida ;@

Cada diia mais complicadinha néh?!
veja bem o que a falta de internet e até mesmo de pessoas para conversar faz comigo, eu começo a viajar nos meus pensamentos, penso em milhões de besteirinhas, em pessoas e tudo começa a ficar mais confuso. Se me perguntassem o que está mais confuso, a cabeça ou o coração, eu sinceramente não saberia responder e muito menos explicar ~;
O principal motivo por eu estar escrevendo em um rascunho para depois potar aqui, certamente é culpa da minha mãe. Além de estar brava comiigo, ela não sabe o quanto me deixa perdida, confusa, pensativa e pra ficar melhor tudo perde o sentido, é serio, eu tenho que confessar isso )=
Neste momento, estou trancada no meu quarto, ele está bagunçado como sempre, estou ouvindo a música Teatro dos Vampiros - Legião Urbana porque néé ;@@  a janela está aberta para o vento entrar enquanto escrevo isso e observo lindas estrelas apagadas. E tive a impressão que alguém também está ou estava sei lá pois já me arrepiei várias vezes ~; muito estranho isso.
Já pensei em muitas pessoas, momentos, lugares, músicas, sentimentos... confesso que algumas lágrimas escorreram pelas minhas enormes buchechas ~;
Queria que pelo menos uma vez as pessoas me entendessem, até mesmo para elas não se machucarem. Eu confesso que faço muitas coisas sem pensar, por impulso mesmo, e decido coisas de uma hora para outra e as vezes me arrependo muito . Me arrpendo pelo fato de algumas vezes fazer coisas para ajudar pessoas e elas nem notarem isso (: ou fazer para deixa-las feliz e depois tomar no cú ou elas me odiarem por isso (: odeio ser uma pessoas imprevisível pois nem eu mesma sei o que sou capaz de fazer por mim, então imagina pelos outros ;~
Quero que saibam que todos os meus abraços, beijos, mordidas, arrepios, beijos na orelha ;@, cocegas, lágrimas, sorrisos, e até mesmo coisas que falei que sentia, foi tudo verdadeiro, foi o que eu queria, na verdade o que eu mais queriia, maas...
As vezes que fugi, sai por ai, bebi, gritei, fiquei sozinha, dormi para esquecer,usei certas coisas que muita gente nem deve ta entendendo porque estou escrevendo isso, enfim, tudo teve um motivo, um significado, uma tristeza ou até mesmo uma alegria ;x
Acredite, hoje eu sou muito feliz e grata por ter vocês na minha vida, e eu quero que se foda essa porra de sentimento, poque ele jamais consegue explicar o que passa dentro da minha cabeça e do meu coração. Obrigado pelas vezes que segurou minha mão e brincou com os meus dedos. Obrigado por me fazer erguer a cabeça e seguir em frente. Obrigado por tentar me deixar feliz quando eu queriia sumir ~; Obrigado por me ouvir, me aturar, me encomodar, me fazer feliz. Obrigado por me deixar fazer parte da tua vida.
Eu espero que jamais me abandonem, por mais que tenham outras pessoas ao meu lado.



Pra sempre <3'

Nenhum comentário:

Postar um comentário